top of page

Justiça Eleitoral mantém cassação da chapa Diogo e Amarildo


Uma nova decisão da Justiça Eleitoral em relação à cassação da chapa eleita em Bento, Diogo Siqueira e Amarildo Lucatelli, foi publicada nessa segunda-feira, 07/12. Após a primeira decisão, a defesa da coligação Gente que Faz Bento, dos candidatos eleitos, havia feito uma “petição de Embargos de Declaração”, a qual tem o intuito de questionar pontos da sentença. Entretanto, a juíza eleitoral Romani Dalcin manteve a condenação de cassação dos mandatos da chapa eleita.


Na nova decisão, a juíza ressaltou que a propaganda institucional nas redes sociais da prefeitura de Bento Gonçalves pode ser retomada, tendo em vista que a medida liminar que determinou a suspensão era válida nos três meses anteriores às eleições. Também esclareceu que o prefeito Guilherme Pasin, investigado por improbidade administrativa, não está inelegível a cargos políticos.


Agora, a defesa terá três dias após a intimação para recorrer da decisão de cassação ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE). Mesmo assim, a defesa garante que Diogo e Amarildo serão diplomados e assumirão no dia 1º de janeiro, enquanto aguardam a decisão do TRE. Fonte: Serranossa

19 visualizações0 comentário

Comentários


bottom of page